O que fazemos

Trabalhista


Data da Publicação 21 de julho, 2016
Trabalhista

Trabalhista Bancário

Com mais de doze anos de experiência nesta área e alguns de nossos profissionais já terem sido advogados de bancos e outros bancários, temos uma vasta experiência a oferecer a nossos clientes. Sabemos exatamente o que pedir para cada cargo de cada banco.

Todos os clientes são atendidos por advogados, desde a primeira reunião. E isso não é à toa. A experiência nos ensinou que quando o primeiro atendimento é feito por um advogado, competente e experiente, resulta em um processo melhor elaborado, com maiores chances de sucesso.

O alto padrão de qualidade no atendimento, além da vasta experiência para a condução dos processos, são o diferencial do nosso escritório. O profissionalismo, a experiência, a persistência, o comprometimento, a responsabilidade e a união dos profissionais envolvidos permitem o alcance constante do nosso objetivo: continuar inovando e transformando as ações de nossos clientes em valores expressivos, resgatando seus direitos suprimidos ao longo dos anos.

O que fazemos:

  • Ação trabalhista de bancários;
  • Ação trabalhista de financiários;
  • Ação indenizatória por doença profissional;
  • Ação com tutela antecipada por demissão em razão de doença;
  • Ação com tutela antecipada por demissão obstativa ao direito de aposentadoria.

 

Trabalhista de Petróleo e Gás

Prestamos assistência jurídica personalizada nos casos que envolvem empresas de Offshore de Petróleo e Gás, visando o melhor atendimento ao trabalhador.

Entre outras ações, destacam-se:

  • Pagamento de horas extras;
  • Pagamento em dobro da hora de repouso e alimentação suprimida;
  • Pagamento do adicional devido ao empregado posto em regime de sobreaviso, de acordo com a Lei nº 5.811/72;
  • Pagamento de intervalo intrajornada;
  • Pagamento de diferenças de verbas trabalhistas e resilitórias, tais como décimo terceiro salário, férias, aviso prévio, entre outros.
  • Pagamento de diferenças salariais em razão de rebaixamentos ilegais;
  • Pagamento de diferenças salariais em razão do reconhecimento do desvio ou acúmulo de funções e pedidos de equiparação salarial;
  • Pagamento de salário substituição;
  • Ações indenizatórias de danos morais e materiais, em razão das mais diversas formas de violação à honra e imagem do trabalhador;
  • Indenização por assédio moral e/ou sexual;
  • Reintegração e readmissão do empregado em razão de dispensas ilegais e arbitrárias;
  • Ação de declaração de nulidade de dispensa por justa causa;
  • Manutenção do plano de saúde após a dispensa ou aposentadoria;
  • Pagamento e incorporação de gratificação de função na remuneração do empregado;
  • Ações indenizatórias em razão de doenças acidentárias, com reparação de danos decorrentes de morte, incapacidade total ou parcial do empregado para o trabalho (L.E.R, D.O.R.T, entre outras);
  • Devolução de descontos indevidos;
  • Pagamento de participação nos lucros e resultados;
  • Pagamento de Licença-Prêmio;
  • Pagamento incorreto e diferenças de FGTS;
  • Alterações irregulares do contrato de emprego;
  • Resgate integral dos valores depositados na previdência privada.

 

Trabalhista Empresarial

O escritório Lima e Takashima Advogados Associados atua na defesa dos interesses de seus clientes, tanto em reclamações trabalhistas, como em fiscalizações e procedimentos investigatórios do Ministério Público do Trabalho. Além do dinamismo na atuação contenciosa de seus clientes, o Lima e Takashima ainda atua fortemente na prevenção de litígios, realizando análise de riscos, elaborando políticas e procedimentos, tudo de acordo com as necessidades de cada cliente.

Com atuação em âmbito nacional, o escritório conta com integrantes que possuem ampla experiência em disputas trabalhistas, os quais são frequentemente reconhecidos em entrevistas e publicação de artigos.

O que fazemos:

  • Pareceres legais  (análise de justa causa, advertências, suspensão, acidente do trabalho, etc.);
  • Assessoria e gerenciamento de RH;
  • Realização de treinamentos as áreas da empresa;
  • Acompanhamento de fiscalizações do Ministério do Trabalho e Emprego ou Ministério Público do Trabalho;
  • Atuação e defesa em processos administrativos instaurados pelo Ministério Público do Trabalho;
  • Defesa judicial ou propositura de reclamação trabalhista.